A Nova Direção proposta aqui é uma retomada de rumos já tomados pela Igreja. resgatar valores antigos, mas sem perder o contato com a realidade atual. A mensagem de Jesus continuará relevante, mesmo que seque a erva e murche a flor.
Tudo o que vem dele, é permanente.
O amor de Cristo por nós, sua Palavra, suas promessas e sua posição única no topo do universo, continuam sendo as mesmas, aconteça o que acontecer na base. Se for preciso, vamos mudar o rumo e voltar atrás, para bem longe da cauda.

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Desabafo de um pastor

Desabafo de um pastor

Cansei! Estou cansado de alguns evangélicos que não param de inventar coisas. Confesso que tenho andado deprimido com o que tenho visto e ouvido neste "brasilzão" de meu Deus.
Por esses dias ouvi a história de um pastor que através de um "ato profético" resolveu confrontar o padroeiro de uma cidade no norte do estado do Rio de Janeiro. Para tal, ele vestiu-se de branco, colocou uma coroa na cabeça, montou em um cavalo também branco, escreveu na sua coxa rei dos reis e adentrou as portas do seu município dizendo que a partir daquele instante o padroeiro da cidade não era mais são Jorge e sim Jesus Cristo.

Estou cansado das invencionices evangélicas. Já não aguento mais, minha alma encontra-se abatida! Sinto-me perplexo com inúmeras aberrações! Não aguento mais ouvir a cada dia a noticia do surgimento de uma nova unção. Unção do touro selvagem, do riso, do leão, do urro, da águia e pasmem do macaco.
Cansei de orações contrárias, de manipulações estapafurdias, de festas dos sinais, de troca de anjo da guarda, de arrebatamento ao 3º céu, de sal grosso pra espantar mal olhado, de pedrinha da prosperidade, de encostos, de maldições hereditárias, de vendas de amuletos e objetos que em nome de Deus prometem aos fieis o paraiso celeste na terra.
Ah! Estou cansado de escândalos, de orações por sete Reais, de apóstolos megalomaníacos, de louvores extravagantes, de avivamentos transloucados.
Cansei do ecumenismo gospel, de bispas que escondem dinheiro na Bíblia, e de milagreiros espúrios que comercializam a fé.
Ah! Cansei dos "valdomiros, hernandes, macedos, soares, malafaias e felicianos" da vida. Não suporto ver a igreja do meu Senhor novamente vendendo indulgências.
Amados, 31 de outubro se aproxima e com ele a possibilidade de refletirmos a luz da história sobre o significado e importância da Reforma.
Acredito piamente que os conceitos pregados pelos reformadores precisam ser resgatados e proclamados a quantos pudermos, até porque, somente assim, sendo reformados em nossos conceitos poderemos novamente sair deste momento preocupante e patológico da Igreja evangélica.

Uma nova reforma Já!
De autor desconhecido
COMENTÁRIO
Não vou falar a respeito disto, fica a seu critério o julgamento. Pode ser que algumas das declarações afetem diretamente a sua visão ministerial, mas compreenda que realmente há algumas aberrações ocorrendo pelos nossos arrais.
Entendo que muitas técnicas procedem de corações sinceros, e que iste julgamento pertence somente a Deus.
Não podemos confundir criatividade e metodologia com doutrina.