A Nova Direção proposta aqui é uma retomada de rumos já tomados pela Igreja. resgatar valores antigos, mas sem perder o contato com a realidade atual. A mensagem de Jesus continuará relevante, mesmo que seque a erva e murche a flor.
Tudo o que vem dele, é permanente.
O amor de Cristo por nós, sua Palavra, suas promessas e sua posição única no topo do universo, continuam sendo as mesmas, aconteça o que acontecer na base. Se for preciso, vamos mudar o rumo e voltar atrás, para bem longe da cauda.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Medo da carteirada



De quais documentos eu preciso para provar a você que posso ser seu pastor? Documentação com firma reconhecia? Assinaturas, cartas de recomendação, diplomas, currículo, fotografias, discursos bonitos, conhecimento bíblico ?

Não me parece que a identificação básica que nos qualifica para o pastorado seja alguma destas. Entre aqueles que leem este artigo muitas me conhecem pessoalmente e já foram minhas ovelhas. Somente o testemunho delas poderá certificar o meu dom. Para você que não me conhece, não tenho nada a apresentar, que valha a pena ser mencionado, a não ser o que aconteceu na vida daqueles de quem me aproximei.

Jesus não formou estruturas religiosas, não procurava atrair adesões oferecendo altos salários durante seus programas na TV, não distribuiu cargos e títulos, nem abriu uma franquia religiosa.



Ele apenas convidou pessoas para o seguirem e obedecerem, fascinando a todos com sua encantadora presença, sinais de sobrenaturalidade verificáveis à olho nu, comportamento inimitável e pouco discurso.

Só isso.

O Senhor sabia que a criação de uma instituição, seja ela de cunho religioso, financeiro, político, social, bélico, revolucionário, ou qualquer outra motivação, geraria cargos de chefia, disputas de poder, golpes, planos de carreira e títulos. Por isto ele falava aos corações, e fala através de nós e não através de portadores de placas, senhas e crachás. Nada parecido com estatutos, usos, costumes, exclusões, exceções e privilégios.

A sua entrada mais espetacular foi de peito aberto em um cima de um jumento e não em carro blindado.



Os únicos batedores que conservava por perto eram os batedores de carteira, que logo anunciavam restituições de, quatro x mais, do que o dano causado a outrem.

Nunca o vi reclamar por ter nascido em uma manjedoura ou se hospedar em hotéis baratos.

Para ser um cristão, você só precisa se deixar marcar pela vida, pela presença e pelo senhorio de Cristo e não pela carteirada. Jamais siga a quem você não conhece pessoalmente, a quem não toca nem consegue chegar facilmente a 10 centímetros de distância. Mantenha dele a mesma distância que ele mantém de você.

SIMPLES ASSIM!!!



Ubirajara Crespo